onaira marcatto

foto: Mayra Azzi

Naira Marcatto é cantora, ensaísta e pesquisadora. Sua área de interesse acadêmico se concentra na interpretação dos cantores ao longo da história da canção popular brasileira urbana, desde o seu surgimento. Inicia sua carreira artística dentro do samba como pastora de vários compositores paulistas de expressão do gênero. É uma das fundadoras da agremiação carnavalesca G.R.C.B.C. Amigos da Vila Mariana onde exerce durante 4 anos a função de pesquisadora de samba e cantora. É dentro da agremiação que inicia duas de suas parcerias mais importantes com os compositores João Marcondes e Guilherme Lacerda com quem grava alguns trabalhos. Sob a direção de João Marcondes passa a integrar a banda Mistura Brasileira, grupo que acompanha o cantor e compositor joseense Joca Freire. Com esta formação grava o primeiro DVD do compositor. 

Estuda Canto Popular na Faculdade Santa Marcelina onde é orientada por Joana Mariz, mas é no VI Festival de Música de Ourinhos que conhece Regina Machado e por ela passa a ser orientada e assim permanece pelos dez anos seguintes. Em 2007 é convidada pelos compositores Ricardo Barros e Vinicius Pereira para defender a canção Menina do Pano no I FASMÚSICA, festival de canção universitária promovido pela instituição. A partir daí passa a desenvolver seu trabalho de intérprete ao lado de Arnaldo Nardo, Daniel Amorin, Matheus Prado, Micaela Marcondes e Ricardo Barros e permanece em temporada de shows durante 3 anos com esta formação.
Em 2010 participa do concurso Divas da Música Brasileira e passa a liderar o conjunto Ela, Os Bambas e O Samba, especializado em clássicos do samba de raiz. Passa a integrar a Pobre Soberba Cia como preparadora vocal do texto O Caixeiro da Taverna de Martins Penna, espetáculo para o qual assina também a trilha sonora. O espetáculo fica em cartaz na Biblioteca Mário de Andrade durante todo o segundo semestre de 2015. É também em 2015 que participa como palestrante do movimento Massa Revoltante - Vozes do Sul produzido pelo Instituto Goethe de São Paulo.

Depois de um breve hiato para a dedicação acadêmica, Naira prepara sua volta aos palcos com um espetáculo inédito baseado na realização da canção teatral, modalidade relativamente nova que vem sendo bastante explorada em São Paulo.

Naira Marcatto é colunista musical do site Na Vitrola.

  • disco1
  • Facebook - Black Circle

veja também

canto popular

metodologia

agende sua aula

experimental

blog

 

#VEMPROCANTODOBRASIL